Conheça algumas disciplinas que um seminarista estuda ao longo de sua formação

O seminário é uma instituição da Igreja Católica dedicada à formação de candidatos ao ministério sagrado. Os seminaristas recebem preparação cultural (principalmente Filosofia e Teologia) bem como espiritual. Nesse período lá se vão longos e duros 8 anos de estudos, dois anos a mais que um estudante de medicina, isso por que um sacerdote faz duas faculdades, 1 ano de preparação de Espiritualidade ou Propedêutico, 3 anos filosofia e 4 anos de teologia.

Separamos aqui algumas disciplinas que um seminarista estuda, então se você quiser ser padre vai se preparando para os estudos.


Primeiro ano – Propedêutico

Propedêutico significa que prepara, introduz (algo); introdutório, preliminar.

Esse período server para qualificar o candidato para o ingresso no Seminário Maior, quando cursará a Filosofia e a Teologia, esse período de preparação humana, cristã, comunitária, intelectual e espiritual se faz em espaço adequado após o nível médio de ensino, em pelo menos um ano de duração, onde uma equipe responsável acompanha com uma programação própria a formação do candidato. Você pode saber mais sobre o período vendo no site da Santa Sé.

As principais matérias desse período são:

1) Espiritualidade – Tem por finalidade dar aos alunos um conhecimento metódico da vida espiritual em seus principais elementos.

Primeira Parte: Princípios fundamentais da vida espiritual;

Segunda Parte: Exercício negativo da vida espiritual ou morte ao pecado:

Terceira Parte: Exercício positivo da vida espiritual

Apêndices: A devoção a Nossa Senhora; Estudo dos caracteres; Espiritualidade Sacerdotal.

2) Introdução à Sgr. Escritura – A lectio divina. Síntese cronológica do Antigo e do Novo Testamento. As civilizações Antigas.

3) Introdução à Liturgia – Noções gerais, livros, língua e canto litúrgico, lugares, objetos e vestes sagradas.

4) Catecismo – Leitura e explanação do Catecismo da Igreja Católica.

5) Apologética – Temas polêmicos: Cruzadas, Inquisição, Indulgências, S. Joana D´Arc, Galileu, Celibato, etc.

Veja Também:

9 Milagres incríveis envolvendo o Escapulário de Nossa Senhora

Quando surgiu e porque rezamos o terço

Três anos – Filosofia

O curso de Filosofia é uma rotação de dois anos, compreendendo o segundo e o terceiro ano no currículo normal do Seminário. Aqui os seminaristas são introduzidos a um campo que é, para a maioria deles, desconhecido. As principais matérias são:

1) Introdução à Filosofia
2) Lógica Menor
4) História da Filosofia
5) Lógica Maior
6) Metafísica
7) Teologia Natural
8) Filosofia da Religião
9) Sociologia
10) Cosmologia
11) Antropologia filosófica
12) Psicologia aplicada
13) Filosofia Política
14) Estética


Quatro anos – Teologia

O quarto, quinto, e sexto ano do Seminário são primeiramente dedicados ao estudo de Teologia Dogmática e Moral, e Direito Canônico. Os seminaristas desses anos assistem aulas juntos num ciclo de três anos. Os estudos de Sagrada Escritura e História continuam nesses anos. As principais matérias são:

1) Teologia Dogmática – Teologia Fundamental – De Deo Uno et Trino – De Creatione – Eclesiologia – Cristologia – Mariologia – Teologia Sacramentaria – Escatologia
2) Teologia Moral – Moral Fundamental – Mandamentos – Moral Sacramental – Virtudes
3) Sagrada Escritura
4) Direito Canônico
5) História da Igreja
6) Doutrina Social da Igreja
7) Liturgia
8) Patrologia

Seminaristas também estudam outras matérias, especialmente o estudo de línguas como Latin, Grego, Hebraico.

Lembrando que essa lista pode variar de seminário de acordo com cada diocese.


Biografia

Seminário da Imaculada Conceição Disponível em: (https://www.adapostolica.org/processo-formativo). . Acesso em: 19 fev. 2018.

O PERÍODO PROPEDÊUTICO Disponível em: (vatican.va). . Acesso em: 19 fev. 2018.

AMORA, Soares. «Minidicionário da língua portuguesa». editora saraiva.

Compartilhar