As 10 maiores igrejas católicas do mundo

Se você estudou a história de nossa santa igreja saberá que quando Constantino se converteu ao catolicismo e fez da santa igreja religião oficial de Roma, o mesmo doou as famosas basílicas, que eram templos onde os romanos faziam suas reuniões. As construções gigantescas se tornaram as famosas catedrais que você conhece hoje.




A igreja católica desde a idade média sempre deu muito valor as artes sacras e isso não seria diferente na construção dos templos. Muitos acusam ou inventam histórias de que a razão pela qual a igreja católica constrói templos tão grandes simplesmente é para afirmar o quão grande e poderosa é a igreja, o que é uma mentira, pois qualquer pessoa que tenha estudado história da arte saberá que o objetivo é mostrar o quanto Deus é grande e que nós somos pequenos perante a Ele, outro fator importante é o fato das construções católicos tentarem representar o céu, ou seja, o lugar onde o próprio Deus habita é um lugar imenso.

E falando em igrejas grandes, pegamos uma listas das 10 maiores igrejas católicas do mundo.

10ª – Basílica de Nossa Senhora de Guadalupe

O Santuário de Nossa Senhora de Guadalupe é uma basílica menor do santuário nacional do México. Dedicado à Virgem de Guadalupe, está localizado no Monte do Tepeyac, na Cidade do México.

Área (m²): 8.000

Período de construção: 1974 até 1976

9ª – Basílica do Sagrado Coração

Situada no periférico bairro de Koekelberg na Bélgica, a Basílica do Sagrado Coração (Basilique de Koekelberg ou Basilique du Sacré-Coeur) é uma joia da arquitetura do século XX.

Área (m²): 8.000

Período de construção: 1905 até 1970

8ª – Catedral de Santa Maria del Fiore

A Catedral de Santa Maria del Fiore é o “Duomo” de Florença, Itália, e está localizada na praça homônima.

Área (m²): 8.300

Período de construção: 1296 até 1436

7ª – Catedral-Basílica de Nossa Senhora do Pilar

A Catedral-Basílica de Nossa Senhora do Pilar, em Saragoça, é o maior templo barroco de Espanha.

Reza a lenda que a basílica fica no exato local onde Maria, mãe de Jesus, teria surgido ao apóstolo Tiago, em cima de um pilar ou coluna, quando este andava a pregar aos povos da Península Ibérica.

Área (m²): 8.318

Período de construção: 1681 até 1872

6ª – Basílica da Santíssima Trindade

A Basílica da Santíssima Trindade é uma basílica menor localizada no lugar da Cova da Iria, na freguesia e cidade de Fátima em Portugal. Trata-se de uma enorme igreja dedicada à Santíssima Trindade, pertença do complexo do Santuário de Fátima, dispondo de 8 633 lugares sentados e 40 000 m² de área. O projeto teve autoria do arquitecto grego Alexandros Tombazis. Foi inaugurada em 12 de Outubro de 2007 pelo Secretário de Estado do Vaticano, Cardeal Tarcisio Bertone, por ocasião do 90.º aniversário das aparições da Virgem Maria em Fátima.

Área (m²): 8.700

Período de construção: 2004 até 2007

5ª – Basílica de Nossa Senhora de Lichén

Ela ocupa 10.090 metros quadrados (108.608 pés quadrados) de espaço. Bastante é a ironia de estar localizada numa vila com apenas 1.100 habitantes em Lichen na Polônia, a Basílica de Nossa Senhora de Lichen “é um gigante de uma infra-estrutura, elevando-se sobre a cidade com a sua majestosa altura de quase 100 metros.

Área (m²): 10.090

Período de construção: 1994 até 2004

4ª – Catedral de Milão

A Catedral de Milão (em italiano: Duomo di Milano) é uma catedral católica romana situada na praça central da cidade de Milão, na Lombardia, no norte da Itália. É a sede da Arquidiocese de Milão e uma das mais célebres e complexas edificações em estilo gótico da Europa.

Área (m²): 10.186

Período de construção: 1386 até 1965

3ª – Catedral de Sevilha

A Catedral de Sevilha, também conhecida como Catedral de Santa Maria da Sede, é a maior da Espanha. É a maior catedral gótica do mundo, com 11.520 metros quadrados de área total.

Área (m²): 11.520

Período de construção: 1401 até 1528

2ª – Catedral Basílica de Nossa Senhora Aparecida

Localizada no município de Aparecida, no interior do estado de São Paulo. É o maior templo católico do Brasil e o segundo maior do mundo.

Área (m²): 12.000

Período de construção: 1955 até 1980

1ª – Basílica de São Pedro




A Basílica de São Pedro é uma basílica no Estado do Vaticano. Trata-se do maior e mais importante edifício religioso da santa igreja e um dos locais cristãos mais visitados do mundo. Cobre uma área de 23 000 m² ou 2,3 hectares (5.7 acres) e pode albergar mais de 60 mil devotos (mais de cem vezes a população do Vaticano). É o edifício com o interior mais proeminente do Vaticano, sendo a sua cúpula uma característica dominante do horizonte de Roma, adornado com 340 estátuas de santos, mártires e anjos. Situada na Praça de São Pedro, a sua construção recebeu contribuições de alguns dos maiores artistas da história da humanidade, tais como Bramante, Miguel Ângelo, Rafael e Bernini.

Área (m²): 15.160

Período de construção: 1506 até 1526